Quinta-feira, 1 de Julho de 2004

«Força imparável»

Portugal tornou-se o primeiro país organizador, desde a França em 1984, a chegar à final de um Campeonato da Europa, ao bater, por 2-1, a Holanda, no Estádio José Alvalade, em Lisboa. O euro2004.com faz uma ronda pelas reacções da imprensa ao resultado da primeira meia-final. "UAU! Estamos na final do Campeonato da Europa! Enfim na final...final, pois vendo bem, nisto de finais, ou seja, jogos em que não ganhar significa derrota, a Selecção de Portugal acaba de fazer nada menos de quatro de enfiada. Rússia, Espanha, Inglaterra e Holanda assim tiveram de se render à indómita foça anímica e ao talento dos rapazes que empolgaram Portugal de lés a lés. Uf!, estamos mesmo a um só jogo do título de campeões da Europa; e, convenhamos, para esse jogão a equipa de Portugal parte com o supertreino de finais como nenhuma outra teve...Caso para dizer abençoado desaire frente à Grécia que virou odisseia de raiva e classe. (A Bola) A Selecção Nacional qualificou-se merecidamente para a final do Campeonato da Europa, vencendo a Holanda por 2-1 num jogo que começou sombrio, se foi facilitando mercê do rigor posto em campo, mas que depois voltou a complicar-se por excesso de facilidades. No fim, ouviu-se mais alto o grito de um colectivo sólido mas que estimula heróis - como o Figo pleutórico de ontem -, de uma equipa multifacetada mas com personalidade própria. À quarta meia-final, após falhar em Londres (1966), Marselha (1984) e Bruxelas (2000), os futebolistas portugueses terão um jogo para a glória. Fizeram por ele. (Record) O Sonho acabou. Estes jogadores talvez tenham ganho tudo nos seus clubes, mas como potência internacional, esta geração nada fez de relevante e não nos vai deixar saudades. Frank de Boer, Jaap Stam, Marc Overmars e Phillip Cocu tinham no EURO 2004 a sua última oportunidade de ganhar algo pela selecção laranja, mas, pela terceira vez, caíram nas meias-finais. (De Telegraaf) A laranja mecânica foi, como sempre, ameaçadora, mas nunca chegou a carburar no seu máximo. Se calhar é altura de procurarmos um treinador estrangeiro. Há muitos jovens de qualidade para substituir os jogadores mais velhos desta geração, apesar de esta nova fornada de jogadores não ser tão talentosa como a do início dos anos 90. (De Volkskrant) Fonte: ©uefa.com 1998-2004.
publicado por planetamercuryii às 16:13
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Ricardo a 2 de Julho de 2004 às 00:44
VIVA PORTUGAL!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! :DDDDDDD


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. O «LiBlog» tem nova casa!...

. Cinco coisas que o Presid...

. Fez-se justiça!

. Os dados estão lançados.....

. Para sempre...

. Eu não tenho dúvidas!

. 8 anos...

. Eis a reentré!

. Obrigado Raul Solnado!

. 1958 - 2009

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds